Voltar 

A Festa da Castanha é um poderoso dinamizador do nome de Sernancelhe e das empresas do Concelho

 
Castanhas assadas em lenha e carvão, muita animação, foram palco central e de excelência que receberam os milhares de visitantes que escolheram, como local da sua viagem de sábado, dia 30 ou Domingo, dia 31 de Outubro a Vila de Sernancelhe. Dois dias muito pluviosos, mas que deixaram o sabor e prazer na boca a quem provou o grande farináceo deste concelho, as castanhas "Souto da Lapa".

A Festa da Castanha, organizada pela Autarquia local, ano para ano é cada vez mais um ponto de venda deste produto, representando também uma mais-valia os potenciais negócios para os pequenos produtores do concelho.

A festa, feira da Castanha, realizou-se no novo recinto da Feira Quinzenal, junto à central de camionagem, e é o acontecimento mais importante do concelho e da área dos 11 municípios da região dos Soutos da Lapa, que foi implementado e avivado pela Câmara Municipal em 2001.

Sendo a castanha um dos pilares fundamentais no desenvolvimento de Sernancelhe é objectivo principal deste evento, dar a conhecer as potencialidades económicas da região , valorizando os produtos característicos e peculiares locais, como é o caso da castanha e seus produtos derivados”.

Nesta festa ou feira, realizou-se o concurso da melhor castanha, no qual se sagrou vencedor na variedade Martaínha, Guilherme António Lima (Arcas) e Maria Isabel Vasconcelos, de Penedono, com a qualidade Longal.
Para incentivar os stands presentes, a Câmara Municipal entregou o Prémio de melhor montra à empresa Florista Mil em Rama. A castanha, raínha da festa, também foi premiada através do melhor doce, confeccionado por Maria Adelaide Seixas Lopes (Fonte Arcada).

O frio e a chuva sentidos no domingo contrastaram, com as brasas vindas dos assadores, que assaram as castanhas que bem aqueceram as papilas gustativas de quem as comeu, e forneceram energia para passear durante a tarde inteira.
Gente de muitos locais do País, mas oriundos de  Sernancelhe, compraram uns bons quilitos de castanhas, não só para as saborearem e guardarem por alguns meses, mas também para mostrar aos colegas das regiões onde habitam o bom produto e qualidade que existe na sua terra: a castanha de Sernancelhe.
 

  Voltar